(Português do Brasil) Primeira tese do Programa DINTER CAPES UERJ-UEA em Saúde Coletiva será defendida

Disculpa, pero esta entrada está disponible sólo en Portugués De Brasil. For the sake of viewer convenience, the content is shown below in the alternative language. You may click the link to switch the active language.

Neste 29 de março, Gláucia Maria Ribeiro, professora e pesquisador da Escola Superior de Ciências Sociais (ESO), vai defender a primeira tese de doutorado do Programa de Pós-Graduação em Saúde Coletiva, Doutorado Interinstitucional (Dinter) do Instituto de Medicina Social (IMS) da Universidade do Estado do Rio de Janeiro (UERJ) em parceria com a Universidade do Estado do Amazonas (UEA). Intitulada «O Sistema Único de Saúde ante as perspectivas da terceirização administrativa», a tese será defendida no Auditório da Escola Superior de Ciências Sociais (ESO), no Amazonas, e foi orientada pelo professor Felipe Dutra Asensi (IMS/UERJ), da Área de Concentração em Política, Planejamento e Administração em Saúde.

De acordo com Roseni Pinheiro, pesquisador e professora do IMS/UERJ e coordenadora do Programa DINTER CAPES UERJ-UEA em Saúde Coletiva, essa primeira defesa é um evento muito especial. Além de ser um dos poucos programas Dinter funcionando na CAPES, trata-se de uma parceria exitosa, cuja experiência já foi expandida para outras unidades da UERJ, como por exemplo o Programa de Pós Graduação da Educação.

Defesa de Tese por Gláucia Maria Ribeiro
«O Sistema Único de Saúde ante as perspectivas da terceirização administrativa»
Dia 29 de março de 2018, às 15h, Av. Leonardo Malcher, 1141-ESO/UEA: Manaus/AM.

Deja un comentario

Tu dirección de correo electrónico no será publicada. Los campos obligatorios están marcados con *