Quem Somos

O Programa de Investigação Epidemiológica em Violência Familiar (PIEVF) é sediado no Instituto de Medicina Social (IMS), da Universidade do Estado do Rio de Janeiro (UERJ). O PIEVF tem como proposta abordar a violência de foro íntimo sob a perspectiva epidemiológica. Atualmente, o Programa é composto por 3 pesquisadores principais, 16 pesquisadores colaboradores, 9 alunos de pós-graduação e 04 alunas de iniciação científica.

Desde a sua criação, em 1999, o PIEVF tem se concentrado essencialmente no desenvolvimento de estudos epidemiológicos nas áreas de violência familiar em seis linhas de pesquisa, a saber:

1) Avaliações de magnitude e caracterização da violência familiar em populações;

2) Violência familiar no âmbito dos serviços de saúde;

3) Fatores de propensão à violência familiar;

4) Estudo das consequências da violência familiar na saúde;

5) Desenvolvimento, avaliação e adaptação transcultural de instrumentos de aferição relacionados à violência familiar e domínios afins; e

6) Aplicação de métodos estatísticos e epidemiológicos especiais.

Os projetos têm a finalidade de alimentar as ações relacionadas à violência contra mulheres, crianças, adolescentes e idosos, visando a sensibilização da opinião e órgãos públicos e a instrumentalização e apoio aos programas que visam ao seu enfrentamento.

Além das atividades de pesquisa e ensino, os integrantes do PIEVF também atuam em projetos próprios financiados por instituições brasileiras de fomento à pesquisa (CNPq, FAPERJ, MCT) e mantém parcerias com outras instituições de pesquisa e serviços de saúde.

Saiba mais sobre o PIEVF acessando o Diretório de Grupos de Pesquisa do CNPq.